Colégios Vicentinos

[Rosquinhas Vicentinas]

Videoaulas

Conceitos em Reprodução

Conceitos em Reprodução

Fábio MacCord, professor dos Colégios Vicentinos, fala sobre uma questão do antigo vestibular da Universidade Federal de Juiz de Fora - MG. Ele explica os tipos de reprodução (externa e interna) e de desenvolvimento (direto e indireto) e ainda comenta sobre os termos "monoico e dioico".

(UFJF) Dentre as espécies invasoras que mais têm causado prejuízo recentemente, estão duas espécies de moluscos: o mexilhão-dourado (Limnoperna fortunei), um bivalve de água doce originário da China, e a acatina (Achatina fulica), um gastrópode terrestre originário da África. O ambiente propício aliado à ausência de predadores eficazes e de parasitas dessas espécies na América do Sul possibilitou a sua rápida expansão, principalmente, devido à sua imensa capacidade reprodutiva. Essas duas espécies exemplificam a diversidade de modos de reprodução que ocorre nos moluscos. O mexilhão é DIOICO, tem FECUNDAÇÃO (CRUZADA) EXTERNA e DESENVOLVIMENTO INDIRETO, enquanto a acatina é MONOICA, tem FECUNDAÇÃO (CRUZADA) INTERNA e DESENVOLVIMENTO DIRETO.
 
a) Em relação às espécies, explique o significado dos termos em destaque.

-Dioica
-Monoica
-Fecundação externa
-Fecundação interna
-Desenvolvimento direto
-Desenvolvimento indireto

b) Considerando que o estágio larval está presente no ciclo de vida de muitos moluscos, apresente uma vantagem e uma desvantagem da sua existência.
 
b1) Vantagem do estágio larval
 
b2) Desvantagem do estágio larval

Veja Também

[Eletrodinâmica 3 ]

Eletrodinâmica 3

Saiba mais sobre Resistores Equivalentes

> Saiba mais

[Eletrodinâmica 2 ]

Eletrodinâmica 2

Saiba como calcular DDP e potência

> Saiba mais

Mais Notícias
[Lista de Exercícios]

Cursos

[Berçário]

Berçário

[Educação Infantil]

Educação Infantil

[Fundamental I]

Fundamental I

[Fundamental II ]

Fundamental II

[Ensino Médio]

Ensino Médio

[Integral]

Integral

[Cursos Extras]

Cursos Extras

[Editora Vicentinos]

Informações de Contato